domingo, 21 de junho de 2009

Ode ao Leviano

Qual a coisa mais difícil do mundo? Escolher.

Por quê? Porque uma escolha é a morte de todas as possibilidades.

- "Não, que é isso, não é não! Se você escolhe e se arrepende, pode voltar atrás!"

Ah, não pode.

Você pode, no máximo, ordenar as possibilidades disponíveis neste outro momento e fazer mais uma escolha. Voltar para o momento anterior e refazer uma escolha é impossível! Primeiro, porque no mínimo o tempo já atuou e as possibilidades, ainda que pareçam, não são as mesmas. Segundo, porque você já não é o mesmo: você já é alguém com uma escolha a mais no histórico... Não dá pra desprezar a ação que uma escolha qualquer tem sobre nós, nos moldando, ensinando, nos quebrando a cara...

Então, não me venha com essa de "voltei atrás". Voltou coisa nenhuma. Você foi pra frente e tomou uma decisão diametralmente oposta à que tinha tomado, isso sim. Portanto, não pretenda livrar-se dos efeitos decorrentes da sua primeira escolha.

Se propôs e não quer cumprir, não venha me dizer que está "voltando atrás". Você vai ser um descumpridor, e não um arrependido, meu filho.

Sim, Cib está no inferno astral - no mês errado, ainda por cima.

3 comentários:

Marliisa disse...

Aiiiii! Que coisa!!!
Esse texto foi escrito prá mim, querida??
Sou a escorpiana mais libriana que conheço.
Indecisa eu? Não tenho certeza.
Se quiser me deixar bem desestabilizada me mande escolher alguma coisa ou tomar decisões que envolvam duas ou mais possiblidades.
Pirei!
bjs

Teórico disse...

Ah, a partir do momento que faz a escolha sobre alguma coisa, automaticamente exclui-se todas as outras possibilidades e não cabe mesmo arrependimntos, tudo na vida depende de nossas escolhas

Raq Paulino disse...

É isso aí, Cib! A vida é feita de escolhas, e (grande) parte de ser adulto é saber que rumos tomar e as consequências disso a partir do momento da decisão. E sem mimimi depois.

Beijooo e bom friozão na volta a PoA. ;-)